7 erros na Black Friday que podem prejudicar o seu e-commerce

Evitar os erros na Black Friday é essencial para aumentar as vendas nesse período. Confira quais são os principais problemas que ocorrem nesta data e saiba como preveni-los!

A Black Friday 2019, que ocorre em 29 de novembro, é uma grande oportunidade para as lojas online aumentarem as suas vendas. Mas para isso, como temos falado aqui no blog, é preciso planejamento para que tudo esteja preparado e você possa aproveitar da melhor forma possível essa data. E nesse sentido, conhecer os principais erros na Black Friday ajuda, e muito, a evitá-los.

Quais são os principais erros na Black Friday

Na rotina de um e-commerce, é comum que ocorram contratempos, como falhas técnicas no site ou mesmo a falta de algum produto no estoque. Esses problemas, embora sejam prejudiciais, costumam ser controlados e solucionados facilmente em dias comuns. A questão é que, durante a Black Friday, as operações ganham mais intensidade e mesmo uma pequena falha pode virar uma bola de neve.

Nesse sentido, os principais erros na Black Friday são aqueles que comprometem a experiência do consumidor, seja por impossibilitar o processo de compra, seja por não cumprir o que a loja online oferece. Esses problemas fazem com que a loja online perca vendas e, pior, tenha a sua imagem prejudicada no mercado. Por isso, confira os 7 erros mais graves e saiba como evitá-los:

#1 Ter um site instável:

Durante a Black Friday, o tráfego nos sites pode ser até 6 vezes maior do que em dias comuns. Dessa forma, um grande erro durante esse período é não preparar a loja online para suportar o aumento no número de acessos, o que pode ocasionar instabilidade ou mesmo a queda do site, fazendo com que o e-commerce perca a oportunidade de vender mais nessa data.

Para evitar esse que é um dos erros mais comuns na Black Friday, é preciso preparar o site para esse período, conferindo e aumentando o limite de tráfego, se necessário. Além disso, outra boa medida é confirmar os prazos de renovação da hospedagem e do domínio para evitar que o site fique fora do ar pela expiração dos planos.

#2 Aumentar os preços antes e diminuí-los na data:

Esse é um dos erros na Black Friday que mais prejudica a imagem da empresa, além de contribuir para que muitos consumidores não acreditem nos descontos promovidos nessa data e até a chamem de “Black Fraude”. Aumentar os preços dos produtos antes da data e baixá-los quando ela chega é péssimo para a reputação do e-commerce e, inclusive, existem formas de identificar essa prática.

Por isso, nunca use esse tipo de artifício. Se a sua loja online não tem condições de promover ofertas durante a Black Friday, é mais indicado fazer promoções que não envolvam descontos ou mesmo não participar da data. Agora, se você quer ter sucesso nesse período, invista em promoções reais, que são ótimas para conquistar os clientes em potencial e aumentar as vendas.

#3 Não divulgar as promoções:

O mote da Black Friday são as promoções e, por isso, os e-commerces precisam desenvolvê-las com eficiência para atrair os consumidores. Porém, de nada adianta promover ofertas imperdíveis se o seu público-alvo não ficar sabendo delas, o que é um risco nesse período, quando a concorrência é ainda maior e não faltam opções de boas ofertas no mercado.

Nesse sentido, não divulgar as promoções que a sua loja preparou para a data é um erro prejudicial para a sua estratégia de vendas. Aliás, o recomendado é desenvolver um planejamento de marketing específico para a Black Friday com antecedência, prevendo todas as publicações e os canais mais adequados para cada uma delas, além do investimento em mídia paga.

#4 Fazer promoções sem planejar:

Não planejar com eficiência as promoções na Black Friday é um erro que não prejudica o consumidor ― inclusive, pode até beneficiá-lo ―, mas que é capaz de comprometer seriamente as finanças do e-commerce. Afinal, uma promoção mal planejada pode fazer com que o negócio tenha prejuízo em vez de lucro, fator de risco se considerarmos o aumento das vendas nesse período.

Por isso, desenvolva todas as ofertas levando em conta os custos e as despesas relacionadas aos itens em promoção e também a margem de lucro que você deseja obter. Ao fazer esse cálculo, é possível garantir que os produtos nunca serão vendidos por um valor menor do que o seu preço de custo e você ainda pode controlar melhor a lucratividade esperada com a venda de cada mercadoria.

#5 Não oferecer um bom atendimento ao consumidor:

Como já vimos, a Black Friday é sempre uma data intensa, em que os acessos ao site, assim como as vendas, costumam aumentar consideravelmente. Por consequência, a demanda por atendimento também cresce, já que os consumidores querem tirar dúvidas e até mesmo conhecer melhor a sua loja online para decidir pela compra de algum produto.

Assim, caso uma pessoa procure suporte em algum dos canais de atendimento da sua loja e não seja atendida com eficiência, é provável que ela não conclua a compra e fique com uma imagem negativa da empresa. Por esse motivo, preparar a equipe de atendimento para promover um suporte rápido e assertivo em todos os canais é fundamental.

#6 Não disponibilizar várias formas de pagamento:

Nada é mais decepcionante para um consumidor do que encontrar o produto que deseja por um bom preço, mas não poder concluir a compra porque a forma de pagamento que ele utiliza não está disponível. Isto é, não oferecer várias formas de pagamento no e-commerce é outro dos erros na Black Friday que pode comprometer o faturamento.

Desse modo, garanta que o meio de pagamento que você utiliza disponibiliza, pelo menos, as formas de pagamento mais utilizadas pela sua persona. Cartão de crédito ― com diversidade de bandeiras ― e boleto bancário são as opções preferidas pelo consumidor online no Brasil. Mas você também pode oferecer débito em conta, pagamentos pelo Apple Pay, entre outras alternativas.

#7 Não ter um bom controle de estoque:

O que é pior: vender um produto que você não tem em estoque ou deixar de comercializá-lo porque não sabia que ele estava disponível na loja? Para nós, qualquer uma das alternativas é ruim, seja para a imagem, seja para o faturamento do seu e-commerce. É por isso que não ter um bom controle do estoque é outro dos erros na Black Friday que precisa ser evitado.

Nesse sentido, o ideal é fazer um inventário dos produtos em estoque antes da data, o que, inclusive, ajuda a desenvolver as promoções para o período. Com os dados em mãos, você pode analisar quais são as mercadorias que estão disponíveis em bom número e quais são os itens que precisam de mais peças em estoque, deixando tudo preparado para o dia.

Evite os erros na Black Friday e tenha sucesso nessa data!

Conhecer os principais erros na Black Friday é indispensável para planejar essa data com eficiência e garantir bons resultados nesse período tão importante para o e-commerce. Por isso, siga as nossas dicas, avalie as operações da sua loja online e deixe tudo organizado com antecedência. Assim, as chances de vender mais só aumentam!

E se você ainda ficou com alguma dúvida sobre os erros na Black Friday, deixe seu comentário! Nós estamos à disposição para ajudar você. Aproveite também para acessar o nosso site e conhecer o nosso meio de pagamento! Com ele, você garante várias formas de pagamento para os clientes, além de mais segurança e eficiência em toda a finalização da venda.

Quer receber mais dicas para seu e-commerce?

Inscreva-se na nossa newsletter e receba uma curadoria de conteúdos exclusiva semanalmente!